Esboço da lição 7
Como lidar com as contendas (Pv 17 e 18)
Motivação: Um rei precisava nomear um novo ministro para o cargo mais alto de seu reino. Com esse propósito, organizou uma competição especial: o desafio consistia em contar a maior mentira. Todos os seus ministros se candidataram para participar e, cada um veio e contou sua maior mentira. Mas o rei não ficou satisfeito, já que as mentiras deles pareciam esfarrapadas. O rei então perguntou a seu conselheiro mais chegado: “Por que você não se candidatou?”
O conselheiro respondeu: “Desculpe desapontá-lo, Majestade, mas não posso me candidatar”.
“Por que não?”, perguntou o rei. “Porque eu nunca minto” .O rei então decidiu nomeá-lo para o cargo. Por sermos pecadores, a mentira é mais fácil para nós do que pensamos; por essa razão, é preciso salientar novamente o cuidado que devemos ter com nossas palavras!
Foco: Reconhecer que relacionamentos harmoniosos são mais importantes do que a riqueza e a veracidade e integridade mais valiosos que o ouro e a prata.
Compreensão:
I. Trato com os que erram
Pergunta 1 Em que consiste a sabedoria de guardar discrição quando alguém erra, e quais são as consequências?
Pv 17:9 O que encobre a transgressão adquire amor, mas o que traz o assunto à baila separa os maiores amigos.
O fato de encobrirmos o erro de alguém por meio do amor não significa que não vejamos o pecado e que não o reconheçamos como tal.
II. Integridade
Pergunta 2 Que dois terríveis erros cometem os que não são íntegros com suas palavras?
1. Superficiais nas palavras. Pv. 18:4
2. Pouco interesse na opinião dos demais, se concentra só em sua própria opinião. Pv. 18:2 Opinião forte.
O Sábio examina e não se apresa a fazer um juízo. Pv. 18:17
Pergunta 3 Quis são algumas das maneiras pelas quais podemos mentir sem usar palavras?
Nos omitindo, sendo indiferente com a verdade, recusando viver a verdade.
Pv 19:9, Testemunhar falsamente ou deixar de testemunhar a verdade.

Aplicação:
1. A próxima vez que algum amigo o irmão cometer um erro, em primeiro lugar, peça a Deus amor por essa pessoa, ore por ela, prodigue amor e se esta disposta a ser ajudada, oriente-la pelo caminho do arrependimento e fidelidade.
2. Vamos nos propor pela graça de Deus ser verazes em todas nossas palavras?
3.
Criatividade:
Ellen White escreveu a certo líder da igreja o seguinte:
Ha muitas questões relacionadas à obra de Deus nas quais você acha defeito, por que lhe é natural assim fazer. Dá sua opinião com confiança ditatorial e considera as indagações dos outros como uma ofensa pessoal. A verdadeira independência refinada nunca recusa buscar conselho dos experientes e sábios, e trata o conselho de outros com respeito.
Como com um coração manso e humilde podemos fazer mais, influenciar mais e ganhar mais almas para o reino de Deus.
Decida no nome de Jesus nesta semana deixar que a influencia do Espirito Santo, lhe faça integro, veraz e sábio para com os demais.

Recomendado

Comentarios de Facebook

Comentarios

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*